Deputada estadual do PSL eleita por SC orienta alunos a filmar e denunciar professores

Secretaria de Educação assegura 'liberdade de ensino' e diz que uso de celulares é proibido em escolas públicas e privadas do estado.

Estado
29 de Outubro, 2018 610

Publicado em: 29/10/2018 às 15:17

Atualizado em: 29/10/2018 às 15:17

A deputada estadual eleita por Santa Catarina Ana Caroline Campagnolo (PSL), de Itajaí, fez uma publicação em redes sociais na noite de domingo (28) oferecendo um contato telefônico para alunos enviarem vídeos de professores em sala de aula que estejam fazendo "manifestações político-partidárias ou ideológicas".

Em nota, a Secretaria de Estado de Educação afirmou que a Constituição Federal e a Lei de Diretrizes e Bases asseguram a liberdade de ensino e aprendizagem. Também foi esclarecido em que há uma lei estadual que proíbe o uso de telefone celular nas salas de aula das escolas públicas e privadas no Estado.

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Regional São José (Sinte SJ) emitiu uma nota de repúdio a iniciativa da deputada. A direção ainda protocolou no início da tarde desta segunda-feira (29) uma representação, na Promotoria de Justiça da 25ª Vara da Comarca da Capital, pedindo a tomada das 'medidas cabíveis' contra a futura legisladora. Até o início da tarde, o MPSC não havia instaurado nenhum procedimento, segundo a assessoria de imprensa.

Na publicação feita em redes sociais, Ana Caroline diz que: "Na semana do dia 29 de outubro, muitos professores e doutrinadores estão inconformados e revoltados. Muitos não conseguirão disfarçar sua ira e farão da sala de aula uma audiência cativa para suas queixas político-partidárias em virtude da vitória do Presidente Bolsonaro", disse.

Fonte : G1

Envie suas fotos ou notícias para o Portal! (47) 99636-3646