Idoso é suspeito de tentar matar ex-companheira e depois tirar a própria vida

A vítima disse à polícia, que o ex-companheiro não se conformava com a separação do casal. Crime ocorreu em Papanduva.

Planalto Norte
12 de Março, 2019 677

Publicado em: 12/03/2019 às 22:44

Uma mulher de 46 anos foi encontrada baleada na segunda-feira (11), no bairro Lagoa Seca, em Papanduva. Segundo a Polícia Militar, o ex-companheiro dela, de 72, é o suspeito de ter atirado nela e depois de cometer suicídio.

A vítima disse à polícia que o ex-companheiro não se conformava com a separação do casal e houve uma discussão antes dos disparos.

De acordo com a polícia, quando os policiais no local do crime, a mulher estava com ferimentos causados por arma de fogo na perna esquerda. Ela foi levada para atendimento médico e o quadro de saúde é considerado estável.

O suspeito foi encontrado caído no chão com dois ferimentos causados por disparos na região do tórax. Segundo a mulher, ele atirou contra si. O idoso chegou a ser levado para o hospital São Sebastião, mas não resistiu aos ferimentos.

Ainda conforme a PM, a arma usada, um revólver calibre .38, e foi localizada ao lado do corpo do homem. Ainda não há informações se ela estava legalizada. A polícia informou que o suspeito tinha passagens policiais por ameaça contra mulher, lesão corporal dolosa e injúria.


Envie suas fotos ou notícias para o Portal! (47) 99636-3646