Caminhoneiro canoinhense morre ao tentar escapar de assalto na Régis Bittencourt

O canoinhense Vilson Ferreira Chaves, de 37 anos, mais conhecido como ?Pileque?, morreu após perder o controle do veículo e colidir contra um barranco, na madrugada desta terça-feira (30), na rodovia Régis Bittencourt, na altura de Miracatu, no interior d

Canoinhas
31 de Janeiro, 2018 2.365

Publicado em: 31/01/2018 às 14:36

A Polícia Civil trata o caso como latrocínio, já que há indícios de que o motorista tenha sido vítima de uma tentativa de assalto na rodovia.
Para roubar o motorista e saquear a carga, criminosos atiraram pedras contra o para-brisa do caminhão.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os assaltantes pretendiam obrigar o motorista a parar, quando seria assaltado. 

O caminhoneiro, no entanto, perdeu o controle do veículo, atravessou o canteiro central e colidiu com o barranco da outra pista.
Vilson morreu na hora.

A carga, de fardos com papel higiênico, foi parcialmente saqueada pelos bandidos. O saque foi interrompido pela chegada dos policiais rodoviários, mas os assaltantes fugiram e ninguém tinha sido preso até o início até a publicação desta matéria.

O caminhoneiro era natural de Canoinhas e morava no Bairo Água Verde.

Seu corpo está sendo velado na Capela Nossa Senhora de Fátima e será sepultado na tarde desta quarta-feira (31) no Cemitério Municipal de Canoinhas.

Fonte: Radio Clube Canoinhas.

Envie suas fotos ou notícias para o Portal! (47) 99636-3646