Jovem de 18 anos matou homem pulando na cabeça da vítima

Segundo a polícia civil, o rosto da vítima ficou deformado, com afundamento de face e crânio

Planalto Norte
23 de Março, 2018 10.946

Publicado em: 23/03/2018 às 14:29

Autor do homicídio ocorrido às 21h30 de terça-feira (20), na Rua das Neves, Bairro 25 de Julho em São Bento do Sul, no Planalto Norte, José Vitor Santarem, 18 anos, segue recolhido em uma cela provisória da delegacia de São Bento do Sul, aguardando vaga no sistema prisional. Com golpes de socos e pontapés, ele matou João Gabriel Hurt, 41.

Segundo o delegado Gustavo Muniz Siqueira, o rosto da vítima ficou deformado, com afundamento de face e crânio. ?Uma testemunha narrou que o suspeito dava pulos com os dois pés na cabeça da vítima?, disse. Pelo contexto das agressões, o delegado qualificou o caso como homicídio doloso por motivo fútil, lavrando o flagrante.

Um morador próximo de onde ocorreu o crime relatou para a PM que José Vitor teria iniciado uma briga com João Gabriel, em sua residência, por conta do sumiço de um celular e que, quando João foi embora, José saiu da casa dizendo que iria atrás, para matar João. Poucos minutos após, voltou cheio de sangue na roupa e pediu uma camiseta emprestada e saiu de sua casa. 

COM FOI O CRIME

João Gabriel Hurt, 41 anos, foi morto com socos e pontapés, por volta das 21h30 de terça-feira (230), na periferia de São Bento do Sul. O suspeito do homicídio foi identificado como José Vitor Santarem, 18 anos, e foi detido pouco minutos após, nas proximidades do Clube Tradição. Na sua roupa havia manchas de sangue. 

Conforme a Polícia Militar, além dos socos e pontapés, o homem ainda foi arremessado contra o muro de uma residência. No Hospital Sagrada Família, médicos de plantão continuaram as manobras de reanimação, mas ele não resistiu.

Fonte : A Gazeta SBS

Envie suas fotos ou notícias para o Portal! (47) 99636-3646